Na região do espaço entre os planos $a$ e $b$, perpendiculares ao plano do papel, existe um campo de indução magnética simétrico ao eixo $x$. cuja magnitude diminui com aumento de $x$, como mostrado na figura abaixo. Uma partícula de carga $q$ é lançada a partir do ponto $p$ no eixo $x$, com uma velocidade formando um ângulo $\theta$ com o sentido positivo desse eixo. Desprezando o efeito da gravidade, pode-se afirmar que, inicialmente:


img
Augusto Admin 17/01/2022 04:49
Como a partícula é lançada com um ângulo não paralelo ou perpendicular ao campo de indução, podemos esperar que a se realize um movimento circular em função da componente vertical de velocidade e outro movimento retilíneo pela componente paralela, ou seja, a trajetória será helicoidal. Porém como o campo diminui em módulo, o raio da trajetória aumenta. Tendo isso em conta: A) Errada - não considera o movimento circular com centro no eixo $x$. C) Errada - a trajetória é helicoidal para $\theta \neq \frac{k\pi}{2}, k\in\mathbb{Z}$. B) Errada - a trajetória é helicoidal com raio crescente. D) Errada - a força magnética é sempre perpendicular à velocidade, e assim, não altera o módulo da velocidade. Portanto, a resposta é $\boxed{\text{Gab E)}}$ Equações úteis para dedução da resposta:$$R=\dfrac{mv_y}{Bq}$$
Modo de Edição
0 / 5000
ManualLaTeX