Um fio de densidade linear de carga positiva $\lambda$ atravessa três superfícies fechadas $A$, $B$ e $C$, de formas respectivamente cilíndrica, esférica e cúbica, como mostra a figura.

Sabe-se que $A$ tem comprimento $L =$ diâmetro de $B =$ comprimento de um lado de $C$, e que o raio da base de $A$ é a metade do raio da esfera $B$. Sobre o fluxo do campo elétrico, $\phi$, através de cada superfície fechada, pode-se concluir que:


img
ITA IIIT 22/03/2022 19:06
O $\text{Teorema da Divergência}$ proposto por Gauss afirma, grosseiramente falando, que, numa superfície gaussiana, o fluxo elétrico depende apenas das cargas internas e da permissividade do meio. Com isso, segundo enunciado, em cada caso temos: \begin{matrix} A: & \lambda = Q_A/L &,& B: & \lambda = Q_B/L &,& C: & \lambda = Q_C/L \end{matrix} Portanto, \begin{matrix} Q_A =Q_B = Q_C = Q \end{matrix} Sabido que, a permissividade do meio é a mesma, têm-se: \begin{matrix} \phi_A =\phi_B = \phi_C \\ \\ Letra \ (A) \end{matrix}
Modo de Edição
0 / 5000
ManualLaTeX