A casa de um certo professor de Física do ITA, em São José dos Campos, têm dois chuveiros elétricos que consomem $4,5\ kW$ cada um. Ele quer trocar o disjuntor geral da caixa de força por um que permita o funcionamento dos dois chuveiros simultaneamente com um aquecedor elétrico ($1,2\ kW$), um ferro elétrico ($1,1\ kW$) e $7$ lâmpadas comuns(incandescentes) de $100\ W$. Disjuntores são classificados pela corrente máxima que permitem passar. Considerando que a tensão na cidade seja de $220\ V$, o disjuntor de menor corrente máxima que permitirá o consumo desejado é então de :


img
ITA IIIT 14/04/2022 16:36
$-$ Segundo enunciado, a potência total consumida é: \begin{matrix} Pot = 2(4,5.10^3) + 1,2.10^3 + 1,1.10^3 + 7.(100) &\therefore& Pot = 1200 \ W \end{matrix}Continuando,\begin{matrix} Pot = \Delta V . i &\Rightarrow& 1200 = 220.i &\therefore& \fbox{$i = 54,\overline{545} \ A$} \end{matrix}Nessa perspectiva, o disjuntor de menor corrente máxima que permitirá o consumo desejado, entre as alternativas é a: \begin{matrix} Letra \ (D) \end{matrix}
Modo de Edição
0 / 5000